Novo financiamento imobiliário atrelado ao IPCA

Caixa econômica liberou um novo modelo de financiamento que promete redução de parcelas e maior acessibilidade de compra, no entanto, é necessária muita cautela na hora de escolher o contrato.

Mês passado foi anunciado pela caixa econômica federal um novo modelo de financiamento através do IPCA. E nós da The One queremos explicar para você o que isso significa exatamente.

Com certeza muitas pessoas já devem ter ouvido e lido por aí a sigla IPCA, porém nem sempre fica claro o que isso significa.

É o índice principal de inflação do Brasil e serve para medir a variação de preços do mercado para o consumidor final, é uma abreviação para Índice de Preços ao Consumidor. O banco central se utiliza disso como uma das principais ferramentas para medir a inflação no país, verificando se o custo de vida tem aumentado muito e se o governo cumpriu com as metas de inflação, e claro que isso pode afetar diretamente seus investimentos.

Neste novo modelo anunciado, os contratos de crédito imobiliário deixam de ser atualizados pela Taxa Referencial (TR) e passam a ser atrelados pelo IPCA.

A maior vantagem disso é que os juros anuais são mais baratos do que o modelo anterior, concebendo prestações mais baixas e possibilitando que famílias tenham acesso ao financiamento imobiliário e também que consigam comprar imóveis de maior valor.

Em contrapartida, o maior “perigo” desta nova modalidade é a própria volatilidade da inflação. Uma vez que, se esta sobe muito, o preço do contrato também sobe, correndo risco de ficar mais caro e contradizer o benefício e principal vantagem de redução de preços de parcelas.  Por mais que existam previsões, é impossível saber como estará a inflação em longo prazo.

O novo modelo é interessante e vale a pena o estudo de seus prós e contras, entretanto possivelmente seja necessária mais cautela na hora de escolhê-lo.

Por fim, vale mencionar que bancos privados ainda estão analisando esta nova linha de crédito, sendo esta oferecida apenas pela Caixa Econômica e que a atualização do contrato através do TR não foi extinta, estando ainda disponível para escolha.

Vai construir? A The One pode te auxiliar na melhor escolha.

Deixe seu comentário